Topo
Sindivestuário / Indústria da Moda & Negócios  / Inverno quente desanima redes de vestuário, que devem antecipar liquidação
26 jun 2019

Inverno quente desanima redes de vestuário, que devem antecipar liquidação

Os setores de vestuário e têxtil terão nesta sexta-feira (21) mais um motivo de desânimo em 2019: o início do inverno. A estação costuma trazer aquecimento nas vendas, mas neste ano deverá representar uma dor de cabeça, de acordo com associações da indústria e do varejo.

Segundo eles, é impossível ignorar a temporada e não aumentar estoques. No entanto, nada indica que a demanda será alta —e as liquidações, cada vez mais agressivas, devem ser antecipadas.

Tempestade?Há uma combinação de fatores ruins para o setor, diz Ronald Masijah, presidente do Sindivestuário. “Além de esperarmos um ‘não inverno’, sem baixas temperaturas, o mercado está extremamente recessivo. A sensação é que não será bom.”

Previsão Os últimos invernos também foram pouco generosos, segundo Fernando Pimentel, da Abit (associação do setor). “Em 2017 e 2018 também foi complicado. Neste ano havia mais um desejo [de que o inverno ajudasse], mas as previsões não têm indicado frio rigoroso nos principais centros de consumo.”

FONTE: Folha de São Paulo/UOL

Nenhum comentário

Desculpe, os comentários estão encerrados.