Home / Destaque / Comércio Varejista de Tecidos, Vestuário e Calçados – Julho 17

Comércio Varejista de Tecidos, Vestuário e Calçados – Julho 17

O IBGE divulgou os dados relativos ao desempenho do comércio varejista. Enfim, números positivos, de fato. O Comércio de Tecidos, Vestuário e Calçados de julho de 2017 cresceu no Brasil 15,5%, quando comparado ao mesmo mês de 2016. Parece um número exuberante, mas não é. Nesse mesmo mês, no ano passado, a queda registrada foi de 14,1%. Assim, a base é baixa e 2017 apenas ajuda a retomar o nível de consumo à normalidade.

No que se refere ao Estado de São Paulo, o crescimento das vendas de tecidos, vestuário e calçados também é forte. Embora a base seja baixa, como é o caso nacional, o resultado paulista é ainda mais expressivo, com alta de 26% em julho/17, diante do mesmo mês de 2016. No acumulado dos sete primeiros meses de 2017, as vendas subiram 8,7%. Contudo, mesmo com essas elevações, nos últimos 12 meses terminados em julho/17 as vendas ainda mostram queda de 0,8%.

Em resumo, os números são sim positivos. O consumo parece estar voltando aos padrões pré-crise, depois de mais de 2 anos de recuo. A redução da taxa de inflação e a tímida recuperação de empregos começam a mostrar efeitos no varejo. Certamente, melhora mais robusta no emprego e o destravamento do crédito poderiam espraiar benefícios não só para o comércio, mas para a indústria e os serviços, numa retomada virtuosa. Tudo isso, se as notícias de Brasília não atrapalharem o suficiente.

About Sindivestuário

Veja também

Tecnologia escreve futuro da moda

Alguns dos mais interessantes desenvolvimentos recentemente apresentados pela indústria da moda não estão a acontecer …

Leave a Reply