Home / Associados / Roupas e habitação sobem menos, e inflação em SP perde força em maio

Roupas e habitação sobem menos, e inflação em SP perde força em maio

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) de São Paulo desacelerou de 1,04% na primeira prévia de maio, para 0,83% na segunda, de acordo com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), nesta terça-feira (19).

O resultado foi influenciado pelo avanço menor dos preços relativos a habitação. A variação passou de 1,93% para 1,26%. Também perdeu força a alta de vestuário, recuando de 0,69% para 0,58%.

Praticamente mantiveram as taxas os grupos de alimentação, 0,82%, e educação, 0,09%. No entanto, cresceu mais os preços de transportes (de 0,3% para 0,39%). Diminuíram a alta os grupos de despesas pessoais (de 0,15% para 0,13%) e saúde (de 1,95% para 1,78%).

O IPC-Fipe mede as variações quadrissemanais dos preços às famílias paulistanas com renda mensal entre 1 e 10 salários mínimos.

 

Fonte: G1

About Sindivestuário

Veja também

PROBLEMAS COM AS LEIS QUE REGEM A REPRESENTAÇÃO COMERCIAL (E A REFORMA TRABALHISTA)

Ainda com relação aos artigos 27 e 32 da legislação que rege a representação comercial …

Deixe uma resposta