Home / Noticias / Polícia fecha linhas de produção de roupas clandestinas em Petrópolis, RJ

Polícia fecha linhas de produção de roupas clandestinas em Petrópolis, RJ

Cerca de duas mil peças avaliadas em R$ 60 mil foram apreendidas.

Material foi encontrado nesta quarta (28) em confecções no Alto da Serra.

Duas confecções clandestinas em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, onde existia uma verdadeira linha de produção de roupas falsificadas ostentando marcas diversificadas, conhecidas e caras, foram localizadas nesta quarta-feira (28), por policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes contra a Propriedade Imaterial (DRCPIM). As confecções funcionavam em dois imóveis dispostos em um terreno localizado no bairro Alto da Serra, onde foram apreendidas peças que somam o valor estimado em R$ 60 mil.

“A ação desta quarta-feira foi implementada após monitoramento de inteligência em que buscamos identificar os fornecedores dos artigos do vestuário falsificados comercializados na tradicional Rua Teresa, conhecida via da cidade”, disse a delegada titular da DRCPIM, Valéria de Aragão Sádio.

Duas mil peças de vestuário, prontas e em diversas fases de produção (recortes), ostentando marcas conhecidas, foram apreendidas nos imóveis, além de 10 mil etiquetas exibindo as mesmas marcas, cinco máquinas de costura e dezenas de carretéis de linhas.

Os agentes identificaram dois irmãos que são os proprietários dos equipamentos. No local também estavam dois funcionários das confecções, os quais foram conduzidos até a delegacia e prestaram declarações. Os irmãos proprietários foram qualificados e serão responsabilizados pelos delitos de violação da propriedade intelectual tipificados nos artigos 189, inciso I e 190, inciso I, ambos da Lei de n° 9279/96.

fonte:  G1 Região Serrana

About Sindivestuário

Veja também

Estado de São Paulo perdeu 17% das fábricas têxteis em cinco anos

O estado de São Paulo perdeu cerca de 17% das fábricas têxteis (de matérias-primas) e …

Deixe uma resposta